Nas margens do sonho

E ali à minha frente, tão belo se mostra. Parece perfeito, intocável, mas não o é com certeza.
Ali, tão destinto, naquele ambiente perfeito, um belo cenário, uma bela música, canção que embala.
Nós dois, na margem do Hudson, á noite, as luzes, o brilho da cidade que não pára… um sonho.
O céu, tão negro, tão belo, o único, o único que nos assiste, que nos vê. Assim, ali, na madrugado sentados ao luar, de mãos dadas, de mãos dadas como no sonho, sonho meu e do meu coração.
Fotografia… Verdes, belos, profundos, os olhos. Pequena, contornada, bela, a boca.
Pastis, aquele belo cenário, onde lá passamos um inicio de noite, alegre delicia…
Um sonho… real. Sonho de uma noite de Outono.
Acordei…

John V.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s